Vagas do Prouni através do ENEM

prouni-e-enemO ProUni (Programa Universidade para Todos) é uma iniciativa do Governo Federal brasileiro que oferece bolsas de estudos parciais ou integrais em universidades particulares para alunos que não tem condições financeiras de arcar com os custos do curso.

As inscrições ocorrem duas vezes por ano, sempre no início de cada semestre. O ProUni usa a nota do Enem para selecionar os candidatos por meio de um sistema totalmente informatizado.

Como entrar no ProUni com o Enem

Somente podem participar do processo seletivo do ProUni, o candidato que fizer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no ano anterior, ter obtido pelo menos 450 pontos na média das quatro provas (Linguagens, Matemática, Ciências Humanas e da Natureza) e não zerar na redação.

Porém, quem não conseguir uma vaga na primeira fase do Enem, pode tentar o processo seletivo de bolsas remanescentes, que visa preencher as vagas que eventualmente sobrarem na primeira fase. Para isso o candidato precisa atender aos seguintes requisitos:

  • Candidatos que se inscreveram na mesma edição do ProUni, mas não conseguiram vaga na primeira fase.

  • Professores da rede pública que exercem o magistério na educação básica e pretendem conseguir vaga para cursos de licenciatura (esses não precisam ter feito o Enem ou comprovar renda, participam de um processo à parte).

  • Pessoas que tenham participado do Enem a partir de 2010, com média de pelo menos 450 pontos nas quatro provas e nota acima de zero na redação.

O programa também exige que somente estudantes brasileiros que não tenham diploma de curso superior e se encaixem em pelo menos uma das situações a seguir possam participar do programa:

  • Cursou o ensino médio completo em escola pública ou em escola partícula como bolsista integral

  • Cursou uma parte do ensino médio em escola pública e uma parte em escola particular como bolsista integral

  • É pessoa com deficiência

  • É professor efetivo de escola pública de educação básica concorrendo a bolsa em curso de licenciatura (nesse caso está liberado de comprovar requisitos de renda)

Outro critério de seleção do Enem é a renda do aluno. Para participar das bolsas do ProUni, a renda mensal familiar bruta por pessoa não pode ultrapassar os três salários mínimos.

enem-e-prouni

Inscrição do ProUni com a nota do Enem

Para se inscrever no ProUni o candidato deve acessar o portal oficial do programa: http://siteprouni.mec.gov.br/o_prouni. A inscrição é gratuita.

Na página doProUni, o candidato deve usar o mesmo número de inscrição e senha de acesso que recebeu quando fez o Enem do ano anterior. Mas, caso o candidato tenha esquecido a senha do Enem ele pode recuperá-la na própria página do Enem.

Como o Enem é usado para conseguir vaga no ProUni?

Para selecionar os bolsistas, o sistema do ProUni compara as notas de todos os candidatos que querem bolsa para a mesma vaga (na mesma universidade, curso, turno e modalidade de concorrência) e, ao final do período de inscrições, preenche as vagas com aqueles que tiveram as maiores notas do Enem. Quanto maior a nota no Exame, maior a chance de conseguir uma bolsa do ProUni.

Quando acontece empate, com dois ou mais candidatos que tiveram a mesma pontuação no Enem concorrendo à mesma vaga, o sistema do ProUni prioriza quem tiver a maior nota na redação. Se as notas de redação também forem iguais, o sistema classifica aquele que teve a melhor nota na prova de Linguagens e assim por diante.

Financiamento estudantil

Os alunos que não conseguirem uma bolsa do ProUni por meio do Enem, também podem tentar outros tipos de financiamento estudantil, como o Fies, por exemplo.

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é o programa do Ministério da Educação que financia cursos superiores em faculdades particulares e com avaliação positiva no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes).

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *